pretty-woman-812878_1280

CB Artistry | A Importância da Protecção Solar

Olá a todos!

Hoje trago-vos um post bastante informativo e interessante mas, acima de tudo, muito importante para o Verão.
Nesta altura do ano, o sol convida-nos a sair à rua, ir para a praia, comer gelados e beber bebidas frescas numa esplanada. Mas atenção, os raios solares são extremamente nocivos para a pele.

Quais são os raios solares nocivos para a pele?

A radiação solar é composta por diferentes tipos de radiação, nem todas chegando à superfície terrestre. A radiação com efeitos mais nocivos para a pele pertence ao espectro de luz visível: infravermelhos (IV) e ultravioleta (UV).

summerfield-336672_1280

Quais os efeitos provocados pelos raios IV e os UV?

Infravermelhos: detêm um elevado poder calorífico, pelo que a exposição a este tipo de radiação provoca o aumento da temperatura cutânea. Ao estimular a pele, provoca um aumento do fluxo sanguíneo, ao que o corpo reage numa perda de calor como forma de manter a normal temperatura interna do organismo. Desta forma, a pele fica com uma cor vermelha, provocando um eritema solar.

Ultravioleta: existem 3 tipos de raios – A, B, C – classificados consoante a sua capacidade de penetração na pele.

  • UVC: apenas penetram a camada superficial da pele;
  • UVB: atingem camadas mais profundas. Embora não tenham um poder calorífico tão elevado como os raios IV, a exposição intensa a estes raios pode provocar queimaduras cutâneas e reacções inflamatórias oculares, se a exposição ocorrer de forma prolongada, pode provocar tumores cutâneos malignos.
  • UVA: com maior capacidade de penetração, atingindo a derme, não são contudo os raios mais nocivos, mas são os principais responsáveis pelo envelhecimento precoce da pele. Além disso, funcionam como potencializadores dos efeitos causados pelos anteriores.

Como é que a pele se defende contra os raios solares?

A pele possui um mecanismo de defesa natural contra os raios solares – a melanina. Este pigmento é o que atribui a cor à pele, sendo que em tons de pele mais claros existe menor quantidade de melanina e, em tons mais escuros existe maior quantidade. Assim, a exposição solar e, maioritariamente aos raios UV, estimula a produção de melanina e atribui o tom bronzeado à pele. No entanto, este mecanismo apenas é eficaz quando a exposição solar não é demasiado intensa ou prolongada.

Como prevenir os efeitos nocivos da radiação solar?

A Organização Mundial de Saúde (OMS) realizou um estudo mundial e concluiu que tem existido um aumento da incidência do cancro de pele nas últimas décadas decorrente de um aumento das actividades ao ar livre. No entanto, os especialistas afirmam que 4 em 5 casos de cancro da pele, poderiam ser prevenidos, adoptando as seguintes estratégias:

sunglasses-384567_1920

  • Evitar a exposição solar ao meio-dia;
  • Ter cuidado com o valor de radiação UV;
  • Preferir as sombras;
  • Usar roupa e acessórios protectores, como um chapéu e óculos de sol (estes com protecção contra UVA e UVB;
  • Evitar tempos de longa exposição ao sol;
  • Utilizar protector solar.

O que é o Factor de Protecção Solar (FPS)?

O FPS quantifica a protecção oferecida por um determinado produto, em termos de tempo de exposição, contra a queimadura solar comparativamente a uma exposição desprotegida. Assim, se um determinado protector apresenta o valor de FPS 30, na prática isso significa que é necessária uma exposição solar 30 vezes maior para que seja produzido um eritema cutâneo, comparando com a exposição solar da mesma pessoa sem utilização de protector.

O que devo ter em conta aquando da escolha do protector solar?

Em peles mais claras, com menos melanina, a sua capacidade para se defender contra os raios solares é menor, pelo que deve ser utilizado um protector solar com um FPS mais elevado. Já em peles mais escuras, o FPS poderá ter um valor mais reduzido. No entanto não se deve desprezar que, devido à perda da camada de ozono, a penetração dos raios na atmosfera é mais elevada, pelo que se deve ser optar pela prevenção e um produto com FPS mais elevado.

Aquando da escolha do produto, é igualmente importante considerar outras características oferecidas pelo mesmo, tais como a sua capacidade de resistência à água e a sua protecção contra raios UVA.Sun-Protection-Products

Como se manter correctamente protegido contra os raios solares?

A aplicação do protector solar deve ser realizada de forma uniforme na pele, em quantidade suficiente para a pele absorver correctamente o produto.

Além disso, a OMS recomenda a re-aplicação do produto a cada 2 horas e sempre depois de sair do trabalho, de contacto com a água e após exercício físico.

É de notar que, a protecção solar nas crianças detém um papel ainda mais importante, uma vez que a sua pele ainda está a desenvolver-se, as células estão em rápido crescimento e, por esse motivo, encontram-se mais susceptíveis aos efeitos da radiação solar.

Que outros produtos posso utilizar para aumentar a capacidade de protecção da minha pele?

Vários estudos provaram que os produtos à base de ingredientes naturais, com capacidade antioxidante e anti-inflamatória e, ainda agentes imunomodeladores, podem também providenciar mais protecção contra os raios solares. Produtos derivados de diversas plantas, algas e frutos, detêm as capacidades acima mencionadas, sendo as uvas e morangos conhecidas fontes de antioxidantes.

Existem diversos suplementos vitamínicos no mercado pelos quais podem optar, deixo o exemplo do Multicaroteno Natural da Amway (que podem obter aqui), formado por diversos tipos de carotenos, provenientes de algas, óleo de palma e malmequer.

Nutrilite Multicaroteno – Amway


Bibliografia:

  • http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0365-05962011000400016
  • http://www.medipedia.pt/home/home.php?module=artigoEnc&id=461
  • http://www.who.int/uv/en/
  • http://www.scielo.br/pdf/abd/v86n3/v86n3a13.pdf
  • http://onlinelibrary.wiley.com/doi/10.1111/jocd.12123/pdf

Espero que tenham gostado do post e que seja útil!

Beijos*

Diana


Leave a Comment